quarta-feira, 19 de março de 2014

Cultura

Foto de Coruja Profª.

Como amar uma mulher.

Amar uma mulher, é como cuidar de uma uma flor que precisa ser regada todos os dias, para que permaneça forte, e a cada dia, a dose de água que a banha, tem que ser diferente.
Saber amar uma mulher, é saber exatamente qual é essa dose, quando a mesma deve ser aplicada, e quando essa flor precisa de um sol a mais e uma gota a menos.
Amar uma mulher, é como acordar cada dia com um destino diferente, onde cada dia é um recomeço e uma nova chance de se ser feliz.
Saber amar uma mulher, é aceitar todos os dias esse destino, e precisa mudar apenas algumas coisas, porque no final, você sabe que ela vai te fazer feliz.Amar uma mulher, é saber até onde é seu limite, e o que acontece se você o transpassa.
Saber amar uma mulher, é saber até onde se pode ir, sem que ela precise lhe falar onde parar, e nunca ser tolo o suficiente, para descobrir o que acontece se você ultrapassar essas barreiras.
Amar uma mulher, é fazer carinho quando ela não pede, e sentir quando ela não quer ser tocada.
Saber amar uma mulher, é beijar sua nuca quando ela diz que não, e fazer com que ela se arrepie por inteiro e descubra que seu carinho foi melhor do que o que ela esperava. Amar uma mulher, é enroscar os dedos no cabelo, é logo pela manhã, dizer que ela é a mais be...la das mulheres, mesmo com os olhos ainda                semi-abertos e marcas de travesseiros pela face.
Saber amar uma mulher, é dizer a ela que é a mais linda das mulheres, não só pela manhã., mas em cada segundo em que ela se sinta inferior a outra mulher Amar uma mulher, é sobretudo, saber em que consiste a essência do amor, é saber amar toda e qualquer forma de vida, é crer na perfeição de Deus e em sua sabedoria.
Agora, saber amar uma mulher, é uma arte que muitos desconhecem, e que mesmo conhecendo o amor em sua mais bela forma, acabam por pecar na hora de demonstra-lo em suas inúmeras faces.


As Paixões Humanas



Eu considero inteligente o homem que em vez de desprezar este ou aquele semelhante é capaz de o examinar com olhar penetrante, de lhe sondar por assim dizer a alma e descobrir o que se encontra em todos os seus desvãos. Tudo no homem se transforma com grande rapidez; num abrir e fechar de olhos, um terrível verme pode corroer-lhe as entranhas e devorar-lhe toda a sua substância vital. Muitas vezes uma paixão, grande ou mesquinha pouco importa, nasce e cresce num indivíduo para melhor sorte, obrigando-o a esquecer os mais sagrados deveres, a procurar em ínfimas bagatelas a grandeza e a santidade. As paixões humanas não têm conta, são tantas, tantas, como as areias do mar, e todas, as mais vis como as mais nobres, começam por ser escravas do homem para depois o tiranizarem.

Bem-aventurado aquele que, entre todas as paixões, escolhe a mais nobre: a sua felicidade aumenta de hora a hora, de minuto a minuto, e cada vez penetra mais no ilimitado paraíso da sua alma. Mas existem paixões cuja escolha não depende do homem: nascem com ele e não há força bastante para as repelir. Uma vontade superior as dirige, têm em si um poder de sedução que dura toda a vida. Desempenham neste mundo um importante papel: quer tragam consigo as trevas, quer as envolva uma auréola luminosa, são destinadas, umas e outras, a contribuir misteriosamente para o bem do homem.

Nicolau Gogol, in 'Almas Mortas'

SER PAI É

Ser pai é acima de tudo,
não esperar recompensas.
Mas ficar feliz caso e quando cheguem. 
É saber fazer o necessário por cima e por dentro da incompreensão.
É aprender a tolerância com os demais e exercitar a dura intolerância (mas compreensão) com os próprios erros.
Ser pai é aprender errando, a hora de falar e de calar.
É contentar-se em ser reserva, coadjuvante, deixado para depois.
Mas jamais falar no momento preciso.
É ter a coragem de ir adiante,
tanto para a vida quanto para a morte.
É viver as fraquezas que depois corrigirá no filho,
fazendo-se forte em nome dele e de tudo o que terá de viver para compreender e enfrentar.
Ser pai é aprender a ser contestado mesmo quando no auge da lucidez.
É esperar.
É saber que experiência só adianta para quem a tem, e só se tem vivendo.
Portanto, é agüentar a dor de ver os filhos passarem pelos sofrimentos necessários, buscando protegê-los sem que percebam, para que consigam descobrir os próprios caminhos.
Ser pai é saber e calar.
Fazer e guardar.
Dizer e não insistir.
Falar e dizer.
Dosar e controlar-se.
Dirigir sem demonstrar.
É ver dor, sofrimento, vício, queda e tocaia, jamais transferindo aos filhos o que, a alma, lhe corrói.
Ser pai é ser bom sem ser fraco.
É jamais transferir aos filhos a quota de sua imperfeição, o seu lado fraco, desvalido e órfão.
Ser pai é aprender a ser ultrapassado, mesmo lutando para se renovar.
É compreender sem demonstrar, e esperar o tempo de colher, ainda que não seja em vida.
 Ser pai é aprender a sufocar a necessidade de afago e compreensão.
Mas ir às lágrimas quando chegam.
 Ser pai é saber ir-se apagando à medida em que mais nítido se faz na personalidade do filho, sempre como influência, jamais como imposição.
É saber ser herói na infância, exemplo na juventude e amizade na idade adulta do filho.
É saber brincar e zangar-se.
 É formar sem modelar, ajudar sem cobrar, ensinar sem o demonstrar, sofrer sem contagiar, amar sem receber.
Ser pai é saber receber raiva, incompreensão, antagonismo, atraso mental, inveja, projeção de sentimentos negativos, ódios passageiros, revolta, desilusão e a tudo responder com capacidade de prosseguir sem ofender; de insistir sem mediação, certeza, porto, balanço, arrimo, ponte, mão que abre a gaiola, amor que não prende, fundamento, enigma, pacificação.
Ser pai é atingir o máximo de angústia no máximo de silêncio.
O máximo de convivência no máximo de solidão.
É, enfim, colher a vitória exatamente quando percebe que o filho a quem ajudou a crescer já, dele, não necessita para viver.
É quem se anula na obra que realizou e sorri, sereno, por tudo haver feito para deixar de ser importante.
 
 
 

terça-feira, 18 de março de 2014

ALGUÉM

Foto de Eu quero um amor para toda vida.

VOCÊ NUNCA SABE

Mensagens de Deus e Pra sempre vou te amar

LUZ

Acende a tua luz.
Não deixe as lágrimas tomarem seu ser.
Acredita, por favor, mais uma vez.
Eu sei que você pode, que todo o medo há de se esconder.
Sua luz é t...ão forte quando você acredita, eu confio em você.
Traz pra cá a sua intensidade, deixe para trás o que atormenta.
O que fere com palavras e machuca com atitudes nunca é bem vindo.
Eu quero te ver sorrindo, é o melhor que podes me doar.
Não, não pense que eu estou longe, eu sou tão intenso com você.
Tão perto do seu coração, eu quero escutar o som da harpa dos anjos.
Acende, acende, renove-se, acredite, eu te quero bem.
Deixa o silêncio gritar, você é maior que isso, vamos, vamos, acredite[...]!!!



Acende a tua luz.
Não deixe as lágrimas tomarem seu ser.
Acredita, por favor, mais uma vez.
Eu sei que você pode, que todo o medo há de se esconder.
Sua luz é tão forte quando você acredita, eu confio em você.
Traz pra cá a sua intensidade, deixe para trás o que atormenta.
O que fere com palavras e machuca com atitudes nunca é bem vindo.
Eu quero te ver sorrindo, é o melhor que podes me doar.
Não, não pense que eu estou longe, eu sou tão intenso com você.
Tão perto do seu coração, eu quero escutar o som da harpa dos anjos.
Acende, acende, renove-se, acredite, eu te quero bem.
Deixa o silêncio gritar, você é maior que isso, vamos, vamos, acredite[...]!!!

[ Vitor Ávila ]